v3n12julago2023

Resumo: A Moeda e a Lei: Uma história monetária brasileira, 1933–2013, é o mais novo livro dee Gustavo Franco. Trata-se de uma escrita do passado econômico brasileiro após a implementação da moeda fiduciária no país, que viveu a gênese tardia do Banco Central e passou por oito padrões financeiros.

Palavras-chave: História Econômica. Moeda. Economia Brasileira. Inflação.

Percursos Monetários Brasileiros — Resenha de Marcos Manoel Silva Severiano (URCA) sobre o livro “A Moeda e a Lei: Uma história monetária brasileira, 1933–2013”, de Gustavo Franco Read More »

Resumo: Comissão Nacional da Verdade: o último capítulo da justiça de transição no Brasil? foi escrito por Amanda Cataldo de Souza Tilio Santos com o objetivo de investigar a instituição, o funcionamento e os resultados  Comissão Nacional da Verdade (CNV) brasileira. A autora declara que a iniciativa resulta da organização de um corpo legal internacional em torno dos direitos humanos, entre as décadas 70 e 80 do século passado.

Palavras-chave: Comissão Nacional da Verdade, Justiça de Transição, Reparação.

Justo e verdadeiro — Resenha de Jandson Bernardo Soares (UFRN), sobre o livro “Comissão Nacional da Verdade: o último capítulo da justiça de transição no Brasil?”, de Amanda Cataldo de Souza Tilio Santos Read More »

Resumo: O “Dicionário do Ensino de História” aborda uma ampla gama de tópicos relacionados ao ensino de história, incluindo a história cronológica, temática e local, bem como métodos de ensino e aprendizagem, políticas curriculares e diretrizes, educação patrimonial e tecnologias emergentes. Outros temas incluem cultura histórica, códigos disciplinares, estereótipos, fontes e narrativas históricas. O livro também explora tópicos como mudança e permanência, consciência histórica, causa e consequência, e a progressão do conhecimento histórico. O volume inclui contribuições de uma ampla variedade de autores e autoras, bem como coordenadoras que ajudaram a organizar a obra.

Palavras-chave: Ensino de História, Dicionário, Formação de Professores de História.

Diálogos na prática – Resenha de Brenda Kerolle (UFS) sobre o “Dicionário do Ensino de História”, organizado por Marieta de Moraes Ferreira e Margarida Maria Dias de Oliveira Read More »

Resumo: Esboço Histórico e Geográfico do Baixo São Francisco, é a publicação do manuscrito do mesmo nome, escrito por Antônio Xavier de Assis e organizado por Carlos Pinna de Assis e Gilfrancisco dos Santos. A obra de perspectiva geográfica e historiográfica, aborda a vida em torno do Rio São Francisco, entre os séculos XVII e XIX.

Palavras-chave: Rio São Francisco, Baixo São Francisco, Colonização.

Memórias do Velho Chico — Resenha de Antônio Fernando de Araújo Sá (UFS), sobre o livro “Esboço Histórico e Geográfico do Baixo São Francisco”, de Antônio Xavier de Assis, organizado por Carlos Pinna de Assis e Gilfrancisco dos Santos Read More »

Resumo: “Um Feminismo Decolonial”, de Françoise Vergès, apresenta uma análise crítica do feminismo tradicional e eurocêntrico e propõe um feminismo decolonial, que leve em consideração a história, a cultura e as experiências das mulheres não-brancas e colonizadas. Além de apresentar a visão de Vergès sobre o feminismo radical e o papel das mulheres na transformação social, o livro aborda a definição do feminismo decolonial e como ele difere de outras abordagens feministas. O livro também discute a evolução do feminismo para um feminismo civilizatório do século XXI e as possibilidades de construção de uma sociedade mais igualitária e justa.

Palavras-chave: Feminismo Decolonial, Feminismo Tradicional, Mulheres.

Radicalização à esquerda – Resenha de “Um Feminismo Decolonial” de Françoise Vergès, por Joseane Santos da Costa (SEED-AL/UFS) e Sâmara Cavalcante Rocha (SME-AR/UFS) Read More »

Resumo: “Educação no sertão: memórias e experiências das professoras no alto sertão sergipano (1950 – 1970)”, é o livro de Cácia Valeria de Rezende que aborda a trajetória de professoras que atuam no semiárido do estado de Sergipe, pondo ênfase nos projetos e práticas pedagógicas de combate ao analfabetismo entre crianças, jovens e adultos.

Palavras-chave: Professoras, Alfabetização, MOBRAL.

Erudição sertaneja – Resenha de Marcelo Santos Nascimento (UFS) e Raul Soares Bomfim (UFS), sobre o livro “Educação no sertão: memórias e experiências das professoras no alto sertão sergipano (1950 – 1970)” organizado por Cacia Valeria de Rezende Read More »

Resumo: Criminologia: Contribuição Para Crítica da Economia da Punição, escrito por Juarez Cirino dos Santos, aborda o domínio da Criminologia sob perspectiva histórica e fundamentando-se na categoria de classe social.

Palavras-chave: Criminologia, Classe social, Economia da Punição.

Penalidade e valor em Cirino — Resenha de Pedro Araújo Sampaio (PPGEAFIN/UNEB), sobre o Livro “Criminologia: Contribuição para a crítica da economia da punição”, de Juarez Cirino dos Santos Read More »

Resumo: Negras(Os) da Guiné e de Angola: nações africanas, vivências e sociabilidades em Sergipe (1720–1835), escrito por Joceneide Cunha dos Santos, investiga identidades de homens e mulheres africanos, residentes em Sergipe, nos séculos XVII e XIX. A autora defende a tese de que os processos de identarização dessas pessoas dependia, entre outros fatores, dos ritos de casamento, batizado, vivência em irmandades e sepultamento.

Palavras-chave: Negros, Negras, Africanos, Identidades.

Identidades — Resenha de Itamar Freitas (UFS), sobre o livro “Negras(Os) da Guiné e de Angola: nações africanas, vivências e sociabilidades em Sergipe (1720–1835)”, de Joceneide Cunha dos Santos Read More »

Resumo: Escravos, marinheiros e intermediários do tráfico negreiro de Angola ao Rio de Janeiro (1780–1860), de Jaime Rodrigues, explora a organização do comércio de africanos escravizados, durante os séculos XVIII e XIX, entre Angla e Brasil, pondo ênfase nas “negociações e conflitos”, nas embarcações, nos protagonistas “marinheiros” e “africanos”.

Palavras-chave: Africanos, Marinheiros, Tráfico Negreiro.

Longa travessia – resenha de Daniel Costa (UNIFESP), sobre o livro “Escravos, marinheiros e intermediários do tráfico negreiro de Angola ao Rio de Janeiro (1780–1860), de Jaime Rodrigues Read More »