Criação

Resumo: O livro Cachê Sangrento: uma etnografia do trabalho musical em Aracaju, de João Luís Meneses, publicado em 2022, analisa o trabalho musical em Aracaju, focando em bares e festas. Meneses critica a falta de representação dos músicos por órgãos públicos e sugere melhorias nas condições de trabalho.

Palavras-chave: Etnomusicologia, músicos, e condições de trabalho.

Dar o Sangue pela Música – Resenha de Isaac Santana Andrade (UNIRIO) “Cachê Sangrento: uma etnografia do trabalho musical em Aracaju”, de João Luís Meneses Read More »

Resumo: Antônio Ponciano Bezerra resenha o livro “A caminho de Betulia: crônicas”, de Ednalva Freire Caetano. A coletânea de crônicas explora temas variados que incluem relatos autobiográficos, reflexões sobre a pandemia, a vida cotidiana em épocas difíceis, a busca por esperança, as relações pessoais, a memória, a natureza, a religião, o tempo, a política, a literatura e a arte.

Palavras-chave: Crônicas, Esperança, Relatos Autobiográficos.

Exortação à esperança – Resenha de Antônio Ponciano Bezerra (UFS) sobre o livro “A caminho de Betulia: crônicas”, de Ednalva Freire Caetano Read More »

Resenhado por Joceneide Cunha(Uneb) | ID: https://orcid.org/0000-0002-7728-676X. A Lei 10639/03 tornou obrigatório o Ensino de História e Cultura Afro-brasileira, ampliando os desafios para o professor que deve pensar meios para implementação desse dispositivo, associando-o a outras temáticas e incorporando outras metodologias. Alguns autores defendem que uma maneira, para isto , é repensar o currículo que

Negritude no museu – Resenha de “Olhar Negro: patrimônio, museu e cultura afro-sergipana no campo do ensino de História”, de Marcelo Santos Read More »

Os caminhos da pesquisa antropológica: homenagem a Beatriz Góis Dantas, foi lançado há dois meses, em clima fraternal, em live no Youtube (Link). Presentes ao ato, além de Beatriz Dantas, estavam as organizadoras da obra Sílvia Dantas e Eufrázia Cristina Menezes, respectivamente, filha e ex-aluna da antropóloga e historiadora Beatriz Góis Dantas. A própria homenageada,

Por uma Antropologia Histórica – Resenha de “Os caminhos da pesquisa antropológica: Homenagem a Beatriz Góis Dantas”, de Eufrázia Menezes e Sílvia Góis Dantas Read More »

  Acaba de ser publicada a segunda edição (revista e ampliada) do livro de José Vieira da Cruz, Da Autonomia à Resistência Democrática: Movimento Estudantil, Ensino Superior e a Sociedade em Sergipe (1950-1985). O texto incide sobre o tema da cultura académica, que não está suficientemente estudado e para o qual este livro é um

Histórias do ensino Superior – Resenha de “Da autonomia à resistência democrática: movimento estudantil, ensino superior e a sociedade em Sergipe, 1950-1985”, de José Vieira da Cruz Read More »